Brasil

Preço dos combustíveis dispara nos postos após reajuste da Petrobras

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) revelou neste domingo (20) que os preços dos principais combustíveis do país ficaram bem mais caros na semana de 13 a 19 de março. O avanço reflete o impacto dos reajustes promovidos pela Petrobras sobre o diesel e a gasolina.

Em suma, a estatal elevou o preço do litro do diesel em 24,9% nas refinarias do país. Com isso, o preço do combustível mais usado no Brasil saltou de R$ 3,61 para R$ 4,51. Já a gasolina teve um aumento de 18,8% nas distribuidoras, com o preço passando de R$ 3,25 para R$ 3,86 por litro. Isso aconteceu devido ao alto preço internacional do barril de petróleo.

De acordo com a ANP, o diesel fechou a semana em forte alta de 14,9%, com o litro custando R$ 6,751. A saber, o diesel está 19,42% mais caro do que há quatro semanas, enquanto acumula alta de 55,80% em 12 meses. Nesta semana, o diesel subiu em todas as regiões do país e em todas as Unidades Federativas (UFs), com exceção da Bahia (-3,76%).

Já o preço da gasolina saltou 8,74% na semana. Assim, o valor médio do litro passou a custar R$ 7,267, preço 10,39% maior do que há quatro semanas e 29,95% superior aos 12 meses anteriores. A ANP revelou que a gasolina ficou mais cara em todas as regiões do país e em todas as UFs, com exceção, mais uma vez, da Bahia (-2,17%).

Da mesma forma, o etanol hidratado também subiu na semana (+6,28%). O preço médio do litro do concorrente direto da gasolina nas bombas do país chegou a R$ 4,938. Com isso, o etanol ficou 5,09% mais caro do que há quatro semanas e 18,02% mais caro do que há 12 meses. O preço do combustível subiu em todas as regiões do país e em 24 UFs.

Veja mais detalhes dos preços dos combustíveis

Entre as regiões do país, o diesel está mais caro no Norte (R$ 6,980) e no Centro-Oeste (R$ 6,926). Em seguida, ficam Nordeste (R$ 6,862), Sudeste (R$ 6,644) e Sul (R$ 6,628).

Em relação a gasolina, o preço mais salgado nesta semana foi o do Nordeste (R$ 7,484). Na sequência, vieram: Norte (R$ 7,345), Centro-Oeste (R$ 7,295), Sudeste (R$ 7,187) e Sul (R$ 7,124).

Por sua vez, o etanol é vendido com os preços mais elevados no Norte (R$ 5,694), Nordeste (R$ 5,489) e Sul (R$ 5,319) Assim, os valores mais baixos são os do Centro-Oeste (R$ 4,872) e Sudeste (R$ 4,834).

A saber, os consumidores devem analisar as variações em cada posto de combustível para conseguir preços mais baratos. Em resumo, os valores finais disponibilizados aos motoristas variam em cada posto de combustível, pois diversos fatores influenciam, como impostos, taxas, margem de lucro e custo com a mão de obra.

Além disso, há livre concorrência no mercado brasileiro e cada posto pode definir os seus reajustes.

fonte: Brasil123 

Charles Maia

Site de noticia dinâmico e social. Trabalhos do dia a dia de nossa sociedade. Contando histórias de sucesso de povo sertanejos e trajetórias de orgulho de homens e mulheres que tanto contribuíram para o nosso crescimento e conhecimento.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo