Noticia Urgente

Tentativa de homicídio no Centro de Afogados da Ingazeira

A Paz e Tranquilidade que é tão característica de Afogados da Ingazeira PE (378,2km da Capital Recife), foi abalado no inicio da tarde (13:10) deste domingo (06/03/2022), com uma tentativa de homicídio em plena a praça central, no coração da nossa querida cidade, ao lado da Catedral Bom Jesus dos Remédios bem em frente a Prefeitura.

Dois moradores de rua, apresentando fortes sinais de embriagues e uso de substancia ilícitas, estavam sentados nos bancos da praça quando começarão a discutir e depois partiram para agressão. Foi quando o desocupado conhecido como Marcos Peru portando um objeto bateu na cabeça do outro desocupado que se identificou de Leonardo (dizendo vim de Recife PE), com varias pancadas muito fortes, todas na cabeça. Deixando o ferido no chão sem reação.

Rapidamente a policia foi acionada e em seguida chegando ao local e vendo a gravidade da ocorrência aciono o SAMU que ágil de forma precisa. Tomando os devidos procedimentos, em busca de salvar a vida do agredido.

A Equipe do 23 Batalhão de Afogados da Ingazeira, verificado a ocorrência dos fatos, identificou o apresso vulgarmente chamado Marcos Peru e o conduzi-o a delegacia para que venha a responder pelo ato, já que foi pego em flagrante delito, no local do crime.

As marcas da tentativa de assassinato (marcas de sangue) ainda estão no local, tanto no chão com nos bancos.

Este site não noticias estas ocorrência com frequência, porem estamos falando de um local de muito movimento e batente turístico, onde todas as famílias de nossa pacata cidade disfruta.

Imagem e Reportagem: Charles Maia

Charles Maia

Site de noticia dinâmico e social. Trabalhos do dia a dia de nossa sociedade. Contando histórias de sucesso de povo sertanejos e trajetórias de orgulho de homens e mulheres que tanto contribuíram para o nosso crescimento e conhecimento.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo