Economia

Já tem data para o pagamento do PIS/Pasep 2021? Saiba tudo aqui

Os trabalhadores receberam os valores relativos ao abono salarial ano base 2020 até o dia 31 de março. A Caixa Econômica Federal liberou os depósitos para quem trabalhou com carteira assinada somente neste ano. Agora, a grande dúvida e a expectativa dos trabalhadores é saber quando será pago o novo abono salarial PIS/Pasep para quem trabalhou no ano-base 2021.

Havia uma previsão inicial de que os novos pagamentos do ano/base 2021 ocorressem em 2022, após o governo antecipar o abono referente a 2020. O cronograma de pagamento do abono para quem trabalhou com carteira assinada ao longo de 2020 estava previsto para ir até o fim do ano, mas teve todos os depósitos feitos até 31/03 deste ano.

Desse modo, os trabalhadores que receberam o abono salarial em fevereiro e março de 2022, querem saber se o novo calendário Pis/Pasep referente ao ano de 2021 ainda cairá até o fim do ano.

Abono PIS/Pasep para quem trabalhou em 2021

Ainda não houve nenhum pronunciamento oficial do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT) e nem da Caixa Econômica Federal com relação ao abono ano-base 2021.

É provável que o governo anuncie somente no início do próximo ano as datas de pagamento do abono salarial para quem trabalhou no ano passado. Pois foi desta forma que ocorreu com a divulgação do calendário executado neste ano, divulgado em fevereiro.

Valor do PIS 2021

Outro fator que influencia ainda no novo calendário e anúncio das novas datas é o valor do benefício. Isso porque o teto máximo do abono salarial é calculado sempre com base no salário mínimo, assim o próximo abono deve ter reajuste conforme o salário mínimo definido para 2023.

O piso nacional para o ano que vem deverá ser anunciado no final de janeiro, quando será divulgado o fechamento do INPC deste ano, previsto para 7%.

Quem tem direito ao abono PIS/Pasep? 

O abono salarial PIS/Pasep é um benefício governamental destinado aos trabalhadores com carteira assinada. Como qualquer outro abono da rede nacional, o valor do benefício é baseado no salário mínimo. Todo brasileiro que trabalhou por pelo menos 30 dias com carteira assinada no ano-base tem direito, desde que tenha recebido média de até 2 salários mínimos.

O valor do saque PIS/Pasep é limitado a um salário mínimo (hoje R$ 1.212) para quem trabalhou 12 meses e é calculado individualmente conforme a quantidade de meses trabalhados.

Dica Extra: Você conhece os seus direitos trabalhistas?

Já sentiu em algum momento que você pode estar sendo passado pra trás pelo seu chefe ou pela empresa que te induz a aceitar situações irregulares no trabalho?

Sua dúvida é a mesma de milhares de pessoas. Mas saiba que a partir de agora você terá resposta para todas as suas dúvidas trabalhistas e saberá absolutamente tudo o que acontece antes, durante e depois de uma relação trabalhista.

Se você quer garantir todos os seus direitos trabalhistas como FGTS, adicionais, horas extras, descontos e saber como se posicionar no seu emprego sem ser mais obrigado a passar por abusos e ainda entendendo tudo que pode e que não pode na sua jornada de trabalho, clique aqui e saiba como!

fonte: Jornal Contábil 

Charles Maia

Site de noticia dinâmico e social. Trabalhos do dia a dia de nossa sociedade. Contando histórias de sucesso de povo sertanejos e trajetórias de orgulho de homens e mulheres que tanto contribuíram para o nosso crescimento e conhecimento.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo