Política

Com as eleições cada vez mais polarizadas entra Lula e Bolsonaro, outros candidatos começam a caminha para outros pleitos. Moro se filia ao União Brasil e vai ser candidato a deputado federal por São Paulo

Em nota, ex-juiz da Lava-Jato confirma desistência da candidatura à Presidência, mas deixa em aberto seu futuro político.

O ex-juiz Sergio Moro anunciou a sua saída do partido Podemos e seu ingresso no União Brasil nesta quinta-feira (31). Nas redes sociais, o ex-ministro do governo Bolsonaro disse que está abrindo mão “neste momento” da sua pré-candidatura presidencial, para “facilitar as negociações das forças políticas de centro democrático em busca de uma candidatura presidencial única”, em referência a um nome para tentar rivalizar com os favoritos na corrida eleitoral até agora, o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) e o atual mandatário, Jair Bolsonaro (PL).

A desistência à candidatura presidencial foi uma pré-condição imposta pelo União Brasil, vinda da ala da legenda formada por políticos do antigo DEM, segundo o portal UOL. No Podemos, Moro também estava sendo pressionado a desistir da disputa ao Planalto, para que o partido priorizasse campanhas para outros cargos. Segundo informações de bastidores, ele pode se candidatar a deputado federal por São Paulo na eleição que acontecerá em 2 de outubro. Moro transferiu seu domicílio eleitoral do Paraná para o estado.

Moro havia sinalizado na segunda-feira (28) uma aproximação com o União Brasil. O ex-juiz da Lava Jato publicou uma foto de um jantar com o líder do partido, o deputado Luciano Bivar (PE) e disse que ele seria “um ótimo vice ou cabeça de chapa”.

O anúncio do ex-juiz aconteceu no mesmo dia em que João Doria, governador de São Paulo, ensaiou desistir da corrida presidencial em meio a uma crise no PSDB, partido em que o ex-governador gaúcho Eduardo Leite tenta articular uma candidatura ao Planalto apesar de Doria ter vencido as prévias tucanas.

Desde sua saída do Ministério da Justiça de Bolsonaro, em 2020, Moro vinha ventilando a possibilidade de se candidatar à Presidência. Ele se filiou ao Podemos em novembro de 2021 e anunciou sua pré-candidatura, mas não decolou nas pesquisas. Na última Datafolha, a chamada “terceira via” ainda não marcava dois dígitos de intenção de voto. De acordo com o levantamento, Sergio Moro tem 8% de intenções de voto na pesquisa estimulada, e Ciro Gomes (PDT) tem 6%. João Doria tem 2%.

Charles Maia

Site de noticia dinâmico e social. Trabalhos do dia a dia de nossa sociedade. Contando histórias de sucesso de povo sertanejos e trajetórias de orgulho de homens e mulheres que tanto contribuíram para o nosso crescimento e conhecimento.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo