INSS

5 problemas na coluna que permitem aposentadoria por invalidez

Quando uma doença compromete a coluna vertebral, pode ser muito difícil para o indivíduo conseguir trabalhar. Inclusive, se o quadro se agravar, a pessoa pode ficar impossibilitada de trabalhar. Nestas horas, é necessário recorrer aos benefícios do INSS. Existem alguns problemas na coluna que possibilitam a aposentadoria por invalidez. Abaixo, confira os detalhes.

5 problemas na coluna que permitem aposentadoria por invalidez

1. Hérnia de disco

A hérnia de disco é um dos problemas na coluna que podem levar a aposentadoria. Em suma, essa doença ocorre quando há um desgaste dos discos intervertebrais de fibrocartilagem, e elásticos que operam como amortecedores de impactos, impedindo o contato de uma vértebra com outra.

A partir do desgaste, os discos saem do eixo, e vão para o canal vertebral comprimindo os nervos da região, levando a pessoa a sentir dores. A principal causa dessa doença, são acidentes e traumas, bem como carregamento excessivo de peso. Além disso, a má postura e o desgaste também são causas.

Esse problema na coluna pode levar a fraqueza nas pernas, formigamento nas pernas e braços, bem como dores na nua e no pescoço. Por fim, as profissões mais propensas a esse problema são metalúrgicos, pedreiros, faxineiras e outras funções que usam trabalho braçal.

2. Osteofitose – Bico de Papagaio

Outro problema na coluna muito comum, é a Osteofitose. Em suma, essa doença significa o crescimento do osso entre as vértebras, onde o disco intervertebral está desgastado, e não opera mais como um amortecedor. Isso também causa o contato entre os ossos.

Na maioria dos casos, esse problema na coluna aparece quando a pessoa tem problemas reumáticos, como osteoartrose lombar e cervical; desidratação do disco intervertebral; e demais problemas. Por fim, a principal causa, é a manutenção de posturas incorretas ao longo da vida.

3. Discopatia degenerativa

Essa doença atinge os discos intervertebrais. Acontece devido a perda de água da região, reduzindo a capacidade de movimentação. Ela pode ser provocada pelo ato de carregar peso de forma irregular, e também ter uma postura incorreta ao longo dos anos.

Em suma, estão entre os fatores para esse problema na coluna, os fatores genéticos, desgastes, esportes de alto impacto, obesidade e tabagismo também podem levar à doença.

4. Protusão discal

A protusão discal é a degeneração e dilatação dos discos da coluna, os quais se localizam entre os discos intervertebrais. A doença se configura pelo fato de que o disco não rompe o anel fibroso. Assim, os ligamentos e as outras estruturas da região são atingidas e levam a dor em quem tem a doença. Os trabalhadores que carregam peso ou que não têm uma boa postura podem desenvolver a protusão discal.

5. Cervicalgia – Torcicolo

Em suma, esse problema na coluna é uma dor localizada nas vértebras cervicais. Ela pode ser aguda e durar dias, ou crônica e durar semanas. As dores ocorrem por conta de alterações na postura. Ela também tem relação com os movimentos bruscos do pescoço, gestos repetitivos, ou traumatismo cervical. Já a crônica também pode ser causada por uma artrose cervical.

Por fim, os profissionais mais atingidos por esta doença, são os que trabalham por longas horas em frente ao computador, e aqueles que passam muito tempo com o membro superior em elevação. Tais como os cabeleireiros e garçons.

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / Shutterstock.com

fonte:  Seu Crédito Digital

Charles Maia

Site de noticia dinâmico e social. Trabalhos do dia a dia de nossa sociedade. Contando histórias de sucesso de povo sertanejos e trajetórias de orgulho de homens e mulheres que tanto contribuíram para o nosso crescimento e conhecimento.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo